É Carnaval e é tempo de pôr a máscara (ou, como diria Virgílio Ferreira, é tempo de tirar a máscara!).

Aqui fica uma ideia MUITO simples de como construir uma máscara em feltro, personalizada.

  1. Comece por desenhar num papel um motivo que gosta (ex: gato, borboleta, ave…), tendo em atenção a medida entre os olhos e a quantidade e rosto que quer cobrir.
  2. Depois de desenhar, corte o papel pelo contorno do desenho e prenda-o sobre o feltro com alguns alfinetes, para que este não se mova enquanto estiver a cortar o feltro.
  3. De seguida, corte o feltro pelo contorno do desenho (o feltro deve ser preferencialmente grosso, com 2 ou mais mm de espessura).

Agora que já tem a máscara com o motivo que gostaria de levar até às ruas, só falta decorá-la ao seu gosto.

Neste caso, cosi fita de lantejoulas (prateada) no interior das orelhas, para lhe dar algum brilho! É uma fita relativamente barata e mais fácil de aplicar que as lantejoulas “soltas”. Fui  dispondo as lantejoulas na diagonal, por forma a disfarçar a sua costura, criando um efeito de “escamas”.

No contorno dos olhos, fiz um pequeno bordado, aplicando o ponto de haste pela parte inferior e o ponto de cadeia pela parte superior.

Soltei 2 lantejoulas da fita e cosi-as por baixo do olho, fazendo, com o fio de bordar branco, um nó francês em cima das mesmas.

Por fim, fiz um pequeno corte na margem da máscara para fazer passar a fita. Depois, cosi uma pequena margem de fita, unindo-a à tira maior (neste processo deixei uma pequena folga para que a fita não fique muito tensa).

Nota: todas estas costuras podem ficar sem se ver pois, sendo o feltro grosso, não necessita de trespassar a agulha! Pode fazê-la passar apenas por uma determinada profundidade, disfarçando as costuras. De qualquer modo, se não conseguir fazê-lo, pode sempre pintar os fios com uma caneta de feltro, da cor do seu feltro e assim ficarão menos perceptíveis.

Divirtam-se e bom Carnaval!!!