O inverno está a chegar a este hemisfério e com ele vem aquela enorme vontade de fazer malha!

O ponto listrado, assim como os pontos de tricot anteriores, é um ponto bastante fácil e também ele construído a partir de pontos de malha e de liga.

Apresenta-se com um padrão listrado, com pequenos relevos ao longo de listas diagonais.

MATERIAL

  • fio para tricot
  • agulhas para tricotar
  • tesoura
  • fita métrica (dependendo do objectivo).

PROCEDIMENTO

Para executar este ponto basta apenas saber fazer as malhas de meia e de liga, que são a base do tricot.

para múltiplos de 4 malhas (carreiras ímpares correspondem ao lado direito do trabalho)

CARREIRA 1 – 1 malha de meia | 1 malha de liga |* 1 malha de meia | 1 malha de liga *| (*repetir até ao final);

CARREIRA 2 – 1 mm | 1 ml |* 1 mm | 1 ml *| (*repetir até ao final);

CARREIRA 3 – 1 ml | 3 mm |* 1 ml | 3 mm *| (*repetir até ao final);

CARREIRA 4 – 3 ml | 1 mm |* 3 ml | 1 mm *| (*repetir até ao final);

CARREIRA 5 – 1 mm | 1 ml |* 1 mm | 1 ml *| (*repetir até ao final);

CARREIRA 6 – 1 mm | 1 ml |* 1 mm | 1 ml *| (*repetir até ao final);

CARREIRA 7 – 2 mm |* 1 ml | 3 mm *| 1 ml | 1 mm | (*repetir conjunto de malhas);

CARREIRA 8 – 1 ml |* 1 mm | 3 ml *| 1 mm | 2 ml | (*repetir conjunto de malhas);

Repetir até ao final.

AMOSTRA

Trabalhando o fio com agulhas de 4 mm, da forma descrita, uma amostra de 10×10 cm corresponde a 24 malhas montadas na agulha e a 30 carreiras.